Você está em: Cursos Gratuitos > Sem categoria > Engenharia do Petróleo

Engenharia do Petróleo

Curso Engenheiro de Petróleo

O curso consiste em formar profissionais que possam atuar na descoberta de jazidas e poços para que sejam explorados e na sequencia haja a comercialização do petróleo e gás natural.

Durante o percurso de estudos, o aluno irá adquirir o conhecimento em mineração, geologia, geofísica para que assim possa atuar nas descobertas citadas acima.

Essa profissão só foi reconhecida no Brasil na década de 70, pelo Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia – CONFEA, porém, o primeiro curso de graduação nessa área demorou a ser inserido por instituições de ensino. Apenas em 1994 é que os interessados poderiam ingressar em uma faculdade para a formação em engenheiro do petróleo.

Foi a Universidade Estadual do Norte Fluminense – UENF a primeira instituição de ensino que criou o curso. Antes disso, o que era oferecido eram cursos de mestrado e doutorado na área, no entanto, era necessário que esses profissionais tivessem a base de uma faculdade e em seguida houvesse a sequencia em especializações.

O curso tem duração média de quatro anos de estudos. Durante esse período o aluno terá aulas para conhecimento de cálculos. Esse tema é bem comum e frequente nos dois primeiros anos do curso. No decorrer da formação o estudante terá contato com aulas de física, química, lógica, estatísticas, mecânicas e etc. No terceiro ano de curso iniciam-se os estudos de prospecção de petróleo, conhecimento de área, opções de energia, etc.

engenharia do petroleo

 

Mercado de Trabalho

Esse profissional tem como mercado de trabalho os ambientes de refinarias, plataformas marítimas e também as petroquímicas.

Além disso, há vagas para atuar em áreas de exploração, produção, processamento e também órgãos públicos que estejam relacionados com a industria do ramo, além de instituições de ensino que visam a pesquisa e o aprimoramento do conhecimento especifico.

O dia de trabalho costuma ser puxada. O profissional geralmente atua cerca de nove horas ao dia. Se estiver em uma tarefa de perfuração, por exemplo, onde a demanda de trabalho cresce, por conta das avaliações que devem ser feitas no local, o engenheiro pode trabalhar até doze horas por dia, não havendo distinção entre finais de semana e feriados.

No Brasil, o profissional encontra boa parte das oportunidades de emprego no Rio de Janeiro. O estado retém cerca de 80%da produção do petróleo nacional e por esse motivo oferece mais oportunidades de trabalho. A região nordeste do país abriga as refinarias, que também ofertam trabalho a estes profissionais.

 

Rotina de trabalho

Cabe ao engenheiro do petróleo desenvolver e criar projetos e soluções que possam viabilizar a exploração desse material, sem que isso cause qualquer tipo de dano ou prejuízo ao meio ambiente e que também não haja o desperdício do material, que é riquíssimo, principalmente no Brasil.

Esse profissional também tem como responsabilidade o transporte do petróleo e os derivados. A logística fica sob a supervisão do engenheiro desde a exploração, até o destino final, que é a refinaria. Além disso, o profissional pode atuar com a instalação de sistemas submarinos e projeções seguimentadas.

Se não estiver a campo, como se costuma dizer, o engenheiro também pode atuar consultorias ambientais, além de ter vagas no campo de exportação e importação. Atuando dessa forma, o profissional tem a possibilidade de exercer a função de comprador, quando é necessário pesquisar e cotar preços da matéria-prima. Atuando nesse seguimento, o profissional precisa ter conhecimento da legislação internacional, além do domínio da língua inglesa, pois o contato é quase que majoritário com empresas internacionais.

 

Média Salarial

O salário desse profissional pode variar de acordo com o nível da carreira. Os gerentes da área tem média salarial de R$15,3 mensal. Quando é necessário ficar fora de casa, em busca de áreas para exploração do petróleo esse valor pode aumentar significativamente.

 

Onde estudar

O curso é oferecido em diversas universidades do país, porém, de acordo com uma pesquisa do Guia Estudantil, no Brasil, quatro instituições de ensino se destacam com esse curso, são elas:

Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ

Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro Uenf

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro PUC-Rio

Universidade de São Paulo USP

TEMOS MAIS ARTIGOS PARA VOCÊ:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *