ENGENHARIA BIOMEDICA | CURSO E FACULDADE

ENGENHARIA BIOMÉDICA

Todos os equipamentos que são utilizados em processos de atividades relacionadas à área da saúde, para diagnósticos, tratamentos e casos específicos são o campo de atividades que compreende a Engenharia Biomédica.  O campo de atuação do profissional desta área, chamado engenheiro biomédico é bastante amplo e uma das principais vertentes de suas atividades é a pesquisa de soluções para a produção de equipamentos médicos, ou seja, um dos fundamentos de sua profissão é a melhoria de processos médicos já desenvolvidos, bem como, o desenvolvimento de melhores práticas buscando melhores soluções. A rotina de atividades do profissional engenheiro biomédico pode ser definida de acordo com sua área de interesse no segmento; sendo possível que este profissional realize atividades de pesquisa, de projeto, de conceitos estruturais para os equipamentos que são utilizados na área da saúde, acompanhamento na produção de dispositivos projetados, manutenção destes produtos e estudo das medidas de segurança adequadas para o bom funcionamento de diferentes equipamentos. Desta forma, o profissional da área de Engenharia Biomédica deve desenvolver competências e habilidades em lidar com recursos que informática, pois este segmento está diretamente ligado a seu trabalho. Um outro aspecto das atividades desenvolvidas neste campo da engenharia é a gestão dos recursos que são utilizados para a produção de equipamentos médicos; isto quer dizer que o profissional pode auxiliar na pesquisa e no acompanhamento da utilização de matérias-primas durante o processo de produção de dispositivos médicos e hospitalares.  Para atuar neste segmento é necessário que o aluno ou o profissional possua grande interesse pela área da saúde, pois suas atribuições dão conta da criação de melhore soluções e melhores práticas para os profissionais da área médica, que atuam diretamente com os pacientes.

ATUAÇÃO

Cabe ao profissional da área de Engenharia Biomédica, a atuação desde a pesquisa de novas tecnologias e materiais, o projeto, o conceito, o desenvolvimento, até a resultado final que pode ser observado quando um equipamento é produzido e todas as suas funcionalidades são asseguradas com sólidas bases de segurança que atendam a sua proposta de criação. Deste modo, a atuação do profissional engenheiro biomédico é fundamental para o desenvolvimento de pesquisas médicas, pois suas atribuições aparecem em conjunto com as soluções desenvolvidas por profissionais da área da saúde criando melhores condições para que os pacientes recebam não apenas diagnósticos, como tratamentos adequados. O perfil do profissional da área de Engenharia Biomédica compreende, ainda, o interesse pelo estudo das ciências exatas, assim como a curiosidade para que seja convertida em ações de transformação dentro do ambiente de pesquisa médica e hospitalar. Além das competências para a realização de atividades utilizando dispositivos de sistemas de informática, a habilidade na comunicação em outros idiomas também é importante para a formação do profissional engenheiro biomédico.

@@ Faculdade de biomedicina

 

O MERCADO DE TRABALHO E A FORMAÇÃO

O campo de atuação para o profissional que realiza seu curso de graduação em Engenharia Biomédica está em expansão e por esta razão é interessante que este profissional realize cursos de especialização, ou desenvolva competências que podem representar um diferencial na hora de ingressas no mercado de trabalho. É possível que este profissional atue em laboratórios de pesquisa; em clínicas médicas; em empresas que fazem parte da indústria médica e hospitalar e que atuam na produção de equipamentos; empresas que desenvolvem atividades na área da indústria farmacêutica; empresas que realizam atividades de controle de qualidade para equipamentos médicos produzidos, empresas de pesquisa de sistemas médicos, assim como outros segmentos de acordo com a área de interesse do profissional. Ainda, o profissional engenheiro biomédico pode atuar nos próprios hospitais, na gestão de equipes de correção e eventuais manutenção preventiva dos equipamentos. O curso para formação tem a duração de 5 (cinco) anos e muitas das instituições que oferecem graduação também oferecem Pós-Graduação e cursos específicos de qualificação. As disciplinas que compreendem o conteúdo para o curso de graduação em Engenharia Biomédica são basicamente pertencentes às ciências exatas, como matemática, física e geometria, assim como o estudo da área biológica. A partir do terceiro ano, o aluno inicia seu contato com matérias específicas pertinentes a sua formação e também realiza estudos voltados a área de informática, uma vez que utilizará estes recursos de forma efetiva em sua rotina de trabalho após a formação. A média salarial para o profissional engenheiro biomédico parte dos R$ 5mil (cinco mil reais) e pode ocorrer significativa variação deste valor de acordo com a área de atuação escolhida, bem como, de acordo com a empresa onde o profissional atuará.

 

ONDE ENCONTRAR O CURSO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA

 

Instituição: UNIVAP

Cidade: São José dos Campos – São Paulo

Link para o curso: www.univap.br/graduacao/feau/eng_biome/feau_eng_biome.php

 

Instituição: UFRJ

Cidade: Rio de Janeiro

Link para o curso: www.peb.ufrj.br/

 

Instituição: UFPE

Cidade: Recife – Pernambuco

Link para o curso: www.ufpe.br/eb/

 

Instituição: FUMEC

Cidade: Belo Horizonte – Minas Gerais

Link para o curso: www.fumec.br/cursos/graduacao/engenharia-biomedica/apresentacao/

 

Instituição: UFRN

Cidade: Natal – Rio Grande do Norte

Link para o curso: www.ect.ufrn.br/node/36

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *