Você está em: Cursos Gratuitos > Cursos Online > Cursos para empresários > Como se tornar empreendedor na internet

Como se tornar empreendedor na internet

O que é ser um empreendedor?

O advento tecnológico alterou significativamente o curso da história da humanidade, que hoje pode realizar diversas atividades a partir da tela de um celular ou computador. Isso também vale quando o assunto é o trabalho, pois é bem comum nos dias atuais encontrar profissionais empregados em diversas empresas, que nem precisam sair de casa para exercer as suas atividades.

A internet é um marco, sem dúvida. E, muitas pessoas estão aproveitando para lucrar, pois esse solo ainda é bem fértil e ainda comporta diversos segmentos. As boas ideias precisam ser colocadas em prática, de forma mais ligeira, pois provavelmente, outras pessoas, em outros lugares, pode ter um insight parecido e executá-lo antes de todo mundo.

As empresas de compra coletiva abriram um mercado significativo. O processo de criação dessas unidades não é muito complicado, porém o empreendedor precisa ter uma pequena equipe ajudando-o a seguir com o negócio. Por exemplo, as atividade pode ser realizadas mesmo dentro de caso. Todavia é necessário o apoio jurídico, a fim de evitar problemas futuros.

Para se ter uma ideia, existem plataformas que já vendem os layouts desses sites prontos e com hospedagem. Ou seja, inicialmente, não é necessário empreendedor digital - ganhar dinheiro na internetter um programador, pois essas soluções podem ser dadas num primeiro momento. Ou seja, há diversos segmentos de atuação na internet.

 

Cursos online para empreendedorismo digital

 

Startups

O termo parece recente, no entanto, essa modalidade de negocio está abrindo as portas para muita gente, sobretudo, para aqueles que desejam o crescimento da sua empresa, mas não tem como investir. As startups devem apresentar um modelo escalável e repetido. Como assim? O negócio precisa ter um crescimento considerável, sem precisar investir, necessariamente, em mais equipamentos e pessoal, por exemplo.

Se um indivíduo abre uma empresa no ramo de compra coletiva online, os custos dele tendem a ser menores, se comparados se o negócio fosse no ramo alimentício. Pois no primeiro caso, o negócio cresce mais o custo tende a ser menor do que numa fábrica de biscoitos, por exemplo, pois com o aumento da produção, também faz-se necessário o investimento em novos trabalhadores, produtos e afins.

Um negócio gerenciando, a partir da tela de um computador, tende a ser mais rentável, nesse sentido. Não é a toa que a maior parte das startups são de cunho online.

 

Ótimos sites para leitura

  • http://www.empreendedoresweb.com.br/
  • http://exame.abril.com.br/pme/noticias/10-jovens-empreendedores-da-internet-brasileira
  • http://www.e-commerce.org.br/artigos/empreendedorismo_na_internet.php
  • http://www.portaldoempreendedor.gov.br/

 

Outras formas de ganhar dinheiro

A internet oferece a possibilidade de inúmeras formas de negócio. É possível ter uma loja virtual de acessórios, vestuário, dentre outras alternativas. Os profissionais da área de comunicação, por exemplo, podem criar suas próprias agências e prestar serviços de produção de conteúdo, criação de sites, design, etc.

Poucas são as limitações quando o assunto é ter um negócio online. Ou seja, é possível abrir uma agência de prestação de serviços domésticos. A contratação pode ser realizado online e um dos trabalhos será negociar com esses profissionais e indicá-los para a realização das tarefas. Mas como dito, é sempre bom buscar amparo na Lei, a fim de evitar problemas futuros. Nesse caso, parece que uma ideia na cabeça pode resultar em lucros significativos.

TEMOS MAIS ARTIGOS PARA VOCÊ:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *