Você está em: Cursos Gratuitos > Física > Aceleração Centrípeta e da Gravidade – Exercícios resolvidos

Aceleração Centrípeta e da Gravidade – Exercícios resolvidos

ACELERAÇÃO CENTRÍPETA

formula aceleração centripetaPara entender melhor este conceito de aceleração centrípeta, podemos imaginar três cenários: O primeiro cenário é um objeto jogado em uma superfície de um planeta em uma velocidade pequena; o segundo cenário mostra este mesmo corpo sendo lançado da superfície do mesmo planeta, mas em uma velocidade maior; e o terceiro cenário mostra o mesmo corpo sendo jogado na superfície do mesmo planeta, mas em uma velocidade ainda maior do que no segundo cenário.

Nos três cenários, se forem colocados em imagens, vai se perceber que o objetivo vai dar uma volta em torno do planeta, ao invés de seguir um trajeto retilíneo. O objeto vai seguir uma trajetória circular, sendo que o objeto vai manter a mesma velocidade. Isso porque quando a velocidade é perpendicular a aceleração a velocidade vai se manter a mesma e o movimento vai ser sempre circular, porque enquanto uma força esta empurrando o objeto para frente uma segunda grandeza está puxando o objeto para baixo, assim a única trajetória é a circular.

Outra experiência que pode ser feita é colocar um copo de água em uma base e girar esta base em movimentos circulares, sendo que se perceberá que o copo de água não cairá.

ACELERAÇÃO DA GRAVIDADE

Alguns conceitos que os estudantes vão aprendendo durante sua vida escolar vão mudando na medida em que outros conhecimentos vão entrando nos currículos. Por exemplo, a questão da gravidade pode ser algo confuso na cabeça dos estudantes. Isso porque no início é estabelecido que a gravidade é uma constante. Mas depois acabam entrando outros conceitos então os estudantes escutam falar em aceleração da gravidade. Mas afinal de contas, o que e essa aceleração da gravidade?

Aceleração da gravidade em um ponto é a intensidade do campo gravitacional neste ponto. Geralmente, o ponto é perto da superfície de um corpo massivo. Um exemplo é a aceleração da gravidade na Terra ao nível do mar e à latitude de 45°, (g) é aproximadamente igual a 9,80665 m/s². A aceleração na Terra varia minimamente, devido a, principalmente, diferentes altitudes, variações na latitude e distribuição de massas do planeta.

aceleração da gravidade formula

Para fins didáticos, é dito que a aceleração da gravidade é a aceleração sentida por um corpo em queda livre. Ou seja, quando falamos em aceleração da gravidade na verdade não é a força gravitacional que está sendo alterada, mas sim a força gravitacional que está incidindo sobre o corpo que está caindo, sendo que ela deve ser sempre medida do ponto de vista do corpo que está em movimento.

TEMOS MAIS ARTIGOS PARA VOCÊ:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *